Bem-vindo a Sociedade Gnóstica | SGI

O Celibato

O Swami X disse em uma de suas lições o seguinte: “Os solteiros podem unir a natural força criadora da alma em si mesmo, espiritualmente, aprendendo o reto método da Meditação e sua aplicação à vida física. Tais pessoas não têm que passar pela experiência do matrimônio material, pois podem aprender a casar o seu impulso feminino físico com o masculino da sua alma interna”.

Se os nossos bem amados discípulos gnósticos refletirem nestas palavras do Swami X, chegarão à conclusão de que são manifestamente absurdas. Isso de casar o impulso feminino físico com o masculino de sua alma interna é cem por cento falso. Esse tipo de casamento utópico é impossível porque o homem ainda não encarnou a alma. Com quem, pois, vai casar o seu impulso feminino físico? O animal intelectual não tem alma. Quem desejar encarnar a sua alma, quem quiser ser homem com alma deve possuir os corpos astral, mental e causal. O ser humano atual ainda não possui esses veículos internos. O espectro astral, o espectro mental e o espectro causal, são unicamente espectros. A maior parte dos ocultistas crê que estes espectros internos são os verdadeiros veículos e portanto estão completamente enganados. Necessitamos nascer nos mundos superiores e isso de nascer é um problema sexual.

Nenhum ser humano nasce de alguma teoria. Nem sequer um simples micróbio pode nascer de teorias. Ninguém nasce pelas narinas ou pela boca. Todo ser vivo nasce pelo sexo. “Tal como é em cima é em baixo”. Se aqui no mundo físico o homem nasce pelo sexo, é lógico que acima, nos mundos internos, o processo é análogo. Lei é Lei e a Lei se cumpre.

O Astral Cristo nasce como nasce o corpo de carne e osso. Isso é sexual. Só com a Magia Sexual entre esposo e esposa pode−se dar nascimento a esse maravilhoso corpo. O mesmo podemos dizer do mental e do causal. Necessitamos engendrar esses corpos internos, sendo isso possível somente com o contato sexual, porque tal como é acima é abaixo e tal como é abaixo é acima. Nenhum celibatário pode casar o seu impulso feminino físico com o masculino de sua alma interna, porque nenhum célibe pode encarnar sua alma. Para encarnar a alma devemos engendrar os corpos internos e só com a união sexual de homem e mulher se podem engendrar. Nenhum homem só ou nenhuma mulher só, pode engendrar ou conceber. São necessários os dois pólos para criar. Essa é a vida. É imprescindível engendrar os veículos internos. É mister nascer nos mundos superiores. O celibato é um caminho absolutamente falso. Necessitamos o Matrimônio Perfeito.

Depois de nascer, cada veículo necessita de sua alimentação especial. Somente com sua alimentação especial desenvolve−se e robustece completamente. A alimentação desses veículos fundamenta−se nos Hidrogênios. No organismo físico são fabricados os distintos tipos de hidrogênio com os quais se alimentam os distintos corpos internos do homem.

Lei dos Corpos

Corpo Físico: − é governado por 48 (quarenta e oito) leis, sendo o seu alimento básico o hidrogênio 48.

Corpo Astral: − está submetido a 24 (vinte e quatro) leis, sendo seu alimento básico o hidrogênio 24.

Corpo Mental: − este veículo está submetido a 12 (doze) leis, sendo o seu alimento básico o hidrogênio 12.

Corpo Causal: − este veículo é governado por 6 (seis) leis, sendo o seu alimento básico o hidrogênio 6.

Toda substância se transforma em determinado tipo de hidrogênio. Sendo infinitas as substâncias e os modos de vida, são também infinitos os hidrogênios. Os corpos internos têm seus hidrogênios especiais e deles se alimentam.

O Swami X foi tão somente um monge. Foi−nos dito que logo este bom monge se reencarnará para casar−se e realizar−se a fundo. É um belo discípulo da Loja Branca. Nos mundos superiores ele acreditava ser realizado. Grande foi a sua surpresa no Templo quando tivemos que fazê−lo ciente do seu equívoco. Realmente este bom monge não engendrou ainda os seus corpos crísticos, necessitando, portanto, engendrá−los. Esse é um problema sexual. Só com a Magia Sexual é possível engendrar esses maravilhosos corpos internos.

Aos nossos críticos advertimos que não estamos nos pronunciando contra o Swami X. Seus exercícios são maravilhosos e muito úteis. No entanto, esclarecemos que ninguém pode realizar−se a fundo com o sistema fole.

Existem muitíssimas escolas, todas são necessárias. Todas servem para ajudar o ser humano, no entanto é bom advertir que com nenhuma teoria conseguimos engendrar os corpos internos. Jamais vimos alguém nascer de alguma teoria. Não conhecemos o primeiro ser humano nascido de teorias.

Existem escolas muito respeitáveis e muito veneráveis. Tais instituições têm seus cursos de ensinamentos e seus graus. Algumas delas têm também rituais de Iniciação. Todavia, nos mundos superiores de nada servem os graus e as iniciações dessas escolas. Aos Mestres da Loja Branca não interessam os graus e hierarquias do mundo físico. Aos Mestres só interessa o Kundalini. Eles examinam e medem a medula espinhal. Se o candidato não levantou a Serpente, para eles este é um simples profano como qualquer outro, mesmo que ocupe no mundo físico alguma elevada posição e ainda que seja em sua escola ou loja um venerável ou supremo hierarca. Se o Kundalini subiu três vértebras, o Iniciado é considerado pelos Mestres de Terceiro Grau, e se o Kundalini só subiu uma vértebra é um Iniciado de Primeiro Grau. Assim pois, para os Mestre só interessa o Kundalini.

Pouquíssimos são aqueles que abandonam tudo para trabalhar em sua caverna com sua Águia e com sua Cobra. Isso é coisa de heróis e a humanidade atual não abandona as suas Lojas e as suas Escolas para ficar a sós com a sua Águia e a sua Serpente. Os estudantes de todas as organizações nem sequer são fiéis a elas, uma vez que eles vivem mariposeando de Loja em Loja, de Escola em Escola, sob o pretexto de realizarem−se a fundo, como dizem eles.

Sentimos infinita dor quando vemos esses irmãos mariposeadores. Muitos deles praticam maravilhosos exercícios. Certamente existem práticas muito boas em todas as escolas. As práticas de Yogananda, Vivekananda, Ramacharaka, etc., são admiráveis. Os estudantes praticam−nas com muito boas intenções. Há estudantes muito sinceros. Apreciamos muito a todos esses estudantes e a todas essas escolas. Entretanto, sentimos uma grande dor irremediável por eles que com tanta ânsia buscam a sua libertação final. Sabemos que devem engendrar seus corpos internos. Sabemos que devem praticar Magia Sexual. Sabemos que somente com a Magia Sexual poderão despertar o Fogo Sagrado e engendrar seus veículos internos para encarnar sua Alma. Isso o sabemos por experiência própria. Mas, como fazemos para convencê−los? Nós, os Irmãos, sofremos muitíssimo com isso… e sem remédio.

Na passada Terra−Lua evoluíram milhões de seres humanos e de todos esses milhões, só umas poucas centenas se elevaram ao estado angélico. A grande maioria dos seres humanos perdeu−se. A grande maioria afundou−se no abismo. “Muitos são os chamados e poucos os escolhidos”. Se observarmos a Natureza, vemos que nem todas as sementes germinam. Milhões de sementes perdem−se e milhões de criaturas perecem diariamente. Triste verdade é esta, porém é verdade.

Todo célibe é candidato seguro ao abismo e à segunda morte. Só aqueles que se elevaram ao estado de Super−Homem, podem dar−se o luxo de gozar das delícias do amor sem o contato sexual. Então penetramos no anfiteatro da ciência cósmica. Ninguém pode chegar a encarnar o Super−Homem dentro de si mesmo, sem a Magia Sexual e o Matrimônio Perfeito.

Capítulo 14 – O Trabalho com o Demônio Capítulo 16 – O Despertar da Consciência