Bem-vindo a Sociedade Gnóstica Internacional

28 nov 2007

O Sapo

Se existem três sapos numa folha, e um deles decide pular da folha para a água, quantos sapos restam na folha? Resposta certa: três sapos! Porque o sapo apenas decidiu pular mas ele não fez isso. Às vezes a gente não se parece com o sapo?

Quando decidimos fazer isso, fazer aquilo e no final não fazemos nada? Na vida temos que tomar muitas decisões. Algumas fáceis outras difícies. Rir é correr o risco de parecer tolo. Chorar é correr o risco de parecer sentimental. Abrir-se para alguém é arriscar envolvimento. Expor as idéias e sonhos é arriscar-se a perdê-los. Amar é correr o risco de não ser amado. Viver é correr o risco de morrer. Ter esperança é correr o risco de se decepcionar. Tentar é correr o risco de falhar.

Os riscos precisam ser enfrentados porque o maior fracasso na vida é não arriscar nada. A pessoa que não arrisca nada, não faz nada, não tem nada, é nada. Ela pode evitar o sofrimento e a dor mas não aprende, não sente, não muda, não cresce, não vive. É uma escrava que teme a liberdade. Apenas quem arrisca é livre.

4 Respostas

  1. Eliane

    realmente, muitas vezes parece que sabemos direitinho do que precisamos para ser felizes, mas não agimos, talvez por medo, talvez por pura preguiça, o fato é que o tempo perdido nunca volta!!!

  2. Paulo Sérgio

    Olá

    Há um ditado português que diz: “quem não arrisca não petisca”, significando isto que quem não se aventura por novos caminhos e não desbrava outros horizontes não colhe os benefícios dessa sua coragem intimidada.
    É necessário iniciar sempre renovadas descobertas a fim de alcançarmos desconhecidas paragens experimentais, porém, nem sempre as partidas internas ou externas desembocam em portos desejados, há que planear e medir os resultados de cada risco, ver quais as consequências dessa escolha e perceber bem se esse novo destino permite alcançar o que ainda temos que percorrer para concretizarmos a nossa sempre almejada evolução. Quando colocados nessa rota não olharemos para trás, o percurso seguido foi o delineado depois de o termos preparado com todo o esmero, a fim de chegarmos onde realmente tinhamos de chegar! Tudo já estava planeado mesmo antes de ser iniciado.

    Abraço fraterno
    Paulo Sérgio

  3. Paulo Sérgio,

    Um sábio já disse: “A vida é aquilo que acontece em paralelo ao que planejamos.”

    Os planos são importantes, mas a mente jamais dará conta de todos os fatores que determinam as circunstâncias da vida.

Deixe um Comentário