Bem-vindo a Sociedade Gnóstica Internacional

A Máquina do Tempo | A Saga de Cronos

21 nov 2016

A Máquina do Tempo | A Saga de Cronos

Cronos tinha conhecimento de que muitos físicos e matemáticos são grandes pesquisadores do Tempo. Desta vez, então, para realizar sua pesquisa, escolheu a Universidade de Cambridge, onde a pessoa entrevistada foi o doutor Gunther Forger.

No início da manhã, Cronos se apresentou na sala de reuniões da reitoria do campus universitário.

― Bom dia, Dr. Forger. Meu nome é Cronos. Estou fazendo uma pesquisa sobre o Tempo.

Num tom sarcástico, o Dr. Forger diz:

― Dá-me a impressão de que seu sobrenome faz honra à sua pesquisa.
― Não é coincidência ― respondeu Cronos ironicamente.
― Bem, vamos diretamente ao assunto ― expressou o doutor Forger.

Cronos cravou seu penetrante olhar e, em tom de desafio, disse:

― Tenho várias perguntas difíceis para o senhor.

O doutor Forger acomodou-se em sua típica poltrona inglesa e, com um timbre de voz controlada, falou:

― Gosto de desafios!

Cronos reagiu imediatamente, dizendo: Ah, então vamos nos entender. Aí vai a primeira pergunta:

― Existe o tempo?
― É difícil imaginar que possa existir qualquer coisa,  que nós chamamos de o mundo real,  se não existisse o tempo. Eu diria que, se não existisse o tempo, a palavra existir perderia seu sentido.
― Qual é a definição de tempo?
― Essa definição ninguém tem. Ou, melhor dizendo, ninguém tem a resposta definitiva. Na verdade, definição é uma noção lógica e até matemática, pois definir algum conceito significa explicá-lo em termos de outros e reduzi-los a outros, que são mais elementares, mais fundamentais, ―, porém, não necessariamente simples. O tempo é um conceito tão fundamental, que não há como reduzi-lo a qualquer outro.
― Qual é a origem de Tempo e Espaço?
― De acordo com o modelo cosmológico do Big Bang em vigor e universalmente aceito pela Ciência, o espaço e o tempo se originaram juntamente com toda a matéria do universo no Big Bang, a grande explosão, há mais ou menos quinze trilhões de anos atrás. Este momento inicial, em que o próprio espaço estava reduzido a um único ponto, no qual se concentrava toda a matéria do universo em estado singular de densidade e de temperatura infinita; também marca o início do tempo. Não há sentido nem em perguntar o que aconteceu antes, já que sem tempo, não é possível falar do antes.
― Há um lugar no mundo, onde se constrói a máquina do tempo?
― Somente em novelas de ficção científica, em que este tema é muito evocado.

Cronos, buscando levar novamente o doutor Forger à pergunta anterior, expressa:

― Se esta máquina existisse em segredo, sua manipulação poderia provocar uma tragédia universal?

Com um pouco de impaciência, o doutor Forger responde:

― É justamente essa linha de perguntas que vem quebrando a cabeça de alguns cientistas. Esta é um pergunta polêmica que produz fascinação. Suponho que em ficção científica, todos os tipos possíveis ― e impossíveis ― de cenários já foram imaginados. Um dos mais interessantes é a famosa hipótese dos muitos mundos ou universos paralelos. Podemos conversar sobre isso, porém é um assunto muito complexo para ser tratado em um só encontro como o que tenho com o senhor Cronos.
― O domínio do tempo poderia transformá-lo em uma arma mortal?
― Claro que sim. É positivo o fato de que nenhuma potência tenha este domínio. Parece que as próprias leis da Física não permitem isso, justamente para colocar alguns limites.
― Está de acordo com a ideia de que o tempo é vida?
― Sim, no sentido de que devemos aproveitar bem o tempo limitado que nos foi concedido para viver nossa vida.

Continua…

2 Respostas

  1. Vanessa

    Muito bom vou procurar não me estressar tanto com o tempo e sim aproveitá-lo.

  2. Marli

    Excelente texto. CANPE DIEN…isso mesmo vamos aproveitar o pouco tempo que nos resta…com o que é bom, belo, e importante…obrigada, Um grande abraço.

Deixe um Comentário