Bem-vindo a Sociedade Gnóstica Internacional

8 out 2011

Os 7 Dragões Mais Famosos da Cultura Pop

Os dragões são criaturas lendárias que possuem traços serpentinos ou reptilianos, e estão presentes nos mitos das mais variadas culturas. A palavra dragão deriva do verbo grego “drakein”, que significa ver com clareza. Por este motivo, os dragões são representados como criaturas de grande sabedoria, na maioria das vezes poderosos aliados e conselheiros dos personagens mitológicos.

No entanto, em algumas tradições como a hitita, a cananeia e a mesopotâmica, o Dragão é um monstruoso oponente vencido pelo herói divino, antagonizando o tema da luta contra o caos. Este arquétipo mitológico dualista chegou até os gregos, sendo então absorvido pelo Cristianismo. Foi quando o dragão foi identificado com Satanás, figurando como o grande adversário apocalíptico do Arcanjo Miguel.

Nos tempos modernos as histórias mitológicas vêm sendo retratadas e difundidas através dos instrumentos culturais atuais, como o cinema e as histórias em quadrinhos. Nelas encontramos uma série de dragões que se tornam populares e cativam o grande público. Hoje, apresentamos uma série dos 7 dragões mais famosos da cultura pop:

7. Falcor (História Sem Fim)

Falcor é um dragão de corpo alongado, com asas e patas atrofiadas, com escamas brancas e cabelos cobrindo seu corpo, que gosta muito de crianças. Sua cabeça e seu rosto são muito semelhantes ao de um cachorro, especialmente por causa de suas longas orelhas.

Ao contrário da maioria dos dragões, Falcor é um Dragão da Sorte, um tipo que não possui nem uma força descomunal e nem qualquer habilidade mágica, embora ele seja capaz de cuspir uma espécie de fogo azulado.

A habilidade que o distingue é a sua incrível sorte em tudo o que faz. Sua resposta típica quando é perguntado como vai conseguir realizar um feito aparentemente impossível é: “Com sorte!” E sua sorte é algo muito valioso, especialmente para os seus companheiros.

Outra característica especial de Falcor é a habilidade de voar, apesar do fato de ter asas desenvolvidas para isso. Como os Dragões da Sorte são seres feitos de fogo e ar, quando voam parecem nadar pelos ares. Além disso, os Dragões da Sorte nunca podem parar de respirar, o que torna a comida desnecessária e a água um elemento mortal quando eles permanecem imersos nela por mais de alguns minutos.

Os Dragões da Sorte são capazes de dormir durante o vôo, e preferem ter tanto espaço aberto quanto for possível ao invés de estarem presos em um lugar fechado, mesmo que seja um lugar muito espaçoso.

Ao longo da aventura de História Sem Fim, Falcor ajuda seus amigos, entre eles o menino Bastian, a impedir que a terra mágica de Fantasia – habitado por criaturas estranhas e mágicas e governado pela Imperatriz Menina – seja destruída pelas forças do Nada.

Bastian é um garoto sonhador, que usa a imaginação como refúgio para os fatos que o entristecem, como as provas de Matemática, brigas na escola e, especialmente, a recente perda de sua mãe. Um dia, após uma briga na escola, ele foge para uma livraria, onde conhece o livro chamado A História Sem Fim.

Então ele descobre que a imperatriz de Fantasia está morrendo e, junto com ela, todo o mundo mágico imaginado por Bastian. Um jovem guerreiro é a única esperança para encontrar a cura para a doença da Imperatriz e impedir que Fantasia seja engolido pelo Nada.

6. Jabberwock (Alice no País das Maravilhas)

O terrível Jabberwock é um monstro descrito no poema escrito por Lewis Carroll, chamado Jabberwocky. Este poema conta a história de um guerreiro corajoso que se propõe a matar o Jabberwock, e finalmente volta para casa com a cabeça da criatura.

Este poema aparece no livro Alice Através do Espelho, a sequência do livro Alice no País das Maravilhas. Na cena em que Alice conversa com as peças de xadrez Rei Branco e Rainha Branca, ela encontra um livro escrito em uma linguagem aparentemente ininteligível.

Ao perceber que está viajando através de um mundo invertido, ela se dá conta que os versos estão escritos em escrita especular. Com um espelho nas mãos, ela consegue ler o poema Jabberwocky, e o acha tão intrigante quanto a terra estranha em que ela tinha entrado.

No filme mais recente de Tim Burton, quando Alice desce ao País das Maravilhas, um lugar onde ela esteve quando tinha apenas 6 anos de idade e do qual nem se lembrava mais, as criaturas que ali estão discutem a respeito de Alice ser ou não a verdadeira Alice, destinada a matar o Jabberwock da Rainha Vermelha no dia Frabjous e rstaurar a Rainha Branca ao trono.

Quando chega o dia Frabjous, tanto a Rainha Branca como a Rainha Vermelha reúnem seus exércitos em um campo de batalha na forma de um tabuleiro, e enviam os seus campeões (Alice e Jabberwock, respectivamente) para decidir o destino do País das Maravilhas.

Motivada pelas palavras de seu falecido pai, e empunhando a espada mágica Vorpal, Alice consegue matar o Jabberwocky. Em seguida, a Rainha Branca expulsa a Rainha Vermelha de sua terra, e dá a Alice um frasco contendo o sangue do Jabberwock. Segundo ela, o sangue do monstro é capaz de levá-la de volta para casa.

5. Draco (Coração de Dragão)

Na Inglaterra medieval, um cavaleiro chamado Bowen é responsável por treinar o príncipe Einon na arte da cavalaria. Ele espera que o rapaz se torne no futuro um Rei mais justo que seu pai, um verdadeiro tirano.

Quando o Rei morre durante uma revolta de camponeses, o jovem príncipe acaba sendo gravemente ferido. A rainha leva o filho para uma caverna onde habitam dragões. Um dragão chamado Draco o salva, compartilhando metade de seu coração com o rapaz, depois que este concorda em fazer um juramento, através do qual promete ser bom e justo.

No entanto, Einon se torna um Rei ainda mais perverso que o pai. Bowen, o cavaleiro que treinou o príncipe, acredita que foi o coração do dragão que transformou o jovem num sujeito perverso. Assim, decide eliminar todos os dragões, partindo em busca de vingança.

Muitos anos se passam, e um dia Bowen entra em uma caverna para aniquilar mais um dragão, mas o confronto termina em empate. O dragão em questão é Draco, que havia salvado o príncipe compartilhando metade de seu coração, o que fez com que cada ferida infligida no dragão tambem ferisse o príncipe, e vice-versa.

Draco revela a Bowen que é o último de sua espécie, e o ameaça, dizendo que com sua morte o cavaleiro ficará sem emprego. Os dois esntão resolvem fazer uma parceria, e realizam falsos confrontos entre cavaleiro e dragão em diversos vilarejos.

Quando a farsa dos dois é descoberta, eles fogem e decidem reunir as raças dos homens e dos dragões. Para isso, Draco decide entregar ao príncipe um pedaço de seu coração, na esperança de que o Rei se torne bom e justo. Assim, o dragão salvaria sua alma e conseguiria, após a sua morte, um lugar na constelação de Dragão.

Mas uma revolta popular acontece, e o castelo do Rei é invadido. O próprio Rei Einon acaba descobrindo que enquanto Draco permanecer vivo, ele também permanece imortal. Então aprisiona o dragão e se torna ainda mais perverso. Draco implora a Bowen que o mate, pois assim acabaria o reinado tirânico de Einon. O cavaleiro golpeia o coração do dragão com seu machado, liberando sua alma, que passa a fazer parte da constelação de Dragão.

4. Norberto (Harry Potter)

Norberto é um filhote de dragão norueguês que Hagrid ganhou de um estranho durante um jogo de bar, no primeiro ano de Harry em Hogwarts, e que foi chocado em meio às chamas de sua lareira.

Durante o ano escolar de 1991-1992, o professor Quirinus Quirrell, tentando descobrir como driblar Fofo e tomar para si a Pedra Filosofal, apostou com Hagrid um ovo de dragão em um jogo de cartas.

Depois de algumas bebidas, Quirrel perguntou a Hagrid se ele era mesmo capaz de cuidar de um dragão. Pensando que se tratava de um mero comerciante de dragões, Hagrid então contou como lidava com Fofo, e acabou sem querer entregando a Quirrell a informação que ele precisava.

Hagrid manteve o ovo em sua cabana, aquecendo-o sobre o fogo até que ele chocou, evento que foi presenciado por Rony, Harry e Hermione. O dragão bebê parecia um guarda-chuva preto amassado, com asas grandes e pontudas, um corpo magro e um focinho longo com narinas largas, chifres e olhos alaranjados esbugalhados. Hagrid imediatamente o adorou, embora ele tenha tentado mordê-lo.

Ele batizou o dragão recém-nascido de Norberto, e o alimentava com um balde de conhaque misturado com sangue de galinha a cada meia hora, exatamente como estava recomendado num livro sobre como criar dragões. No entanto, quando jovem dragão cresceu, tornou-se muito violento e perigoso para ser mantido.

Quando Norberto acabou mordendo a mão de Rony, pelo que ele teve que ir para a ala hospitalar devido ao veneno em suas presas, Hagrid não teve escolha, a não ser enviar Norberto para Charlie Weasley, o irmão de Rony, que trabalhava com dragões na Romênia.

Mais tarde, quando Hagrid reencontrou Charlie, ele foi informado de que o dragão que ele acreditava ser um macho, agora se chamava Norberta, pois Charlie tinha descoberto que ela era na verdade uma fêmea. Ele chegou a esta conclusão alegando que as fêmeas sendo muito mais violentas e ferozes.

3. Shenron (Dragonball Z)

Shenron é um dragão mágico do mangá Dragon Ball, e também dos animes Dragon Ball, Dragon Ball Z, e Dragon Ball GT. Seu nome é derivado de Shen Long, que em chinês significa Espírito do Dragão ou Dragão Espiritual.

Na mitologia chinesa, Shen Long é um Dragão Espiritual que domina as tempestades e é capaz de provocar a chuva, fazendo com que toda a vida agricultural chinesa dependesse da boa relação do povo com Shen Long.

Shenron é representado com chifres de um veado, dentes afiados, pele verde escamosa, olhos vermelhos, quatro dedos em cada pé, um corpo longo serpentino (sua cauda corresponde a três quartos do seu comprimento), bigodes longos e fluidos, um focinho longo, narinas em forma de lua crescente e longos cabelos verdes.

Ele é um dragão oriental, considerados benevolentes e sagrados em suas mitologias. Ao contrário dos dragões ocidentais, que têm grandes asas dobráveis ​​em suas costas, ele não tem nenhuma. Como os de sua espécie, Shenron possui bom coração. Mas, como um dragão forte, ele possui um temperamento agressivo, e às vezes se mostra muito impaciente.

É possível invocar Shenron reunindo todas as sete Esferas do Dragão da Terra. O dragão concede ao invocador qualquer desejo, desde que não exceda o poder de seu criador, se ainda estiver vivo. Contudo, Shenron também ameaça matar aquele que não fizer seu desejo a tempo, ou aquele que não fizer desejo nenhum.

De acordo com Goku, o personagem principal da série, Shenron não concede o mesmo desejo mais de uma vez. As Esferas do Dragão não podem ser usadas durante um ano após a realização de um desejo, do contrário elas se transformam em pedra. As Esferas do Dragão da Terra são relativamente pequenas, cada uma do tamanho de uma laranja grande.

Ele é capaz de ressuscitar um morto, desde que a pessoa (1) não tenha sido ressuscitada antes, (2) não tenha morrido há mais de um ano e (3) não tenha morrido de causas naturais como velhice ou doença. Apesar disso, Shenron é capaz de resgatar a juventude de pessoas velhas e sanar enfermidades de pessoas doentes.

2. Smaug (O Hobbit)

Smaug é o principal antagonista do livro O Hobbit, de J. R. R. Tolekien. Um dos últimos grandes dragões da Terra-Média, Smaug ganhou destaque por ter capturar a Montanha Solitária com todos os seus tesouros.

Estes eventos ocorreram cerca de 150 anos antes dos eventos narrados em O Hobbit, e Smaug já tinha séculos de idade na época. O livro narra a história de um grupo de 13 anões moradores originais da Montanha Solitária e seus descendentes, um hobbit chamado Bilbo Bolseiro e o mago Galdalf, que buscam recapturar a montanha e matar o dragão.

Muitas vezes Smaug é chamado de Smaug o Dourado ou ainda Smaug o Magnífico. Tolkien afirmou que o nome Smaug corresponde ao pretérito do antigo verbo germânico “smeugan”, que significa “espremer-se através de um buraco”. No livro, os anões se perguntam como o dragão foi capaz de se espremer todo e atravessar a passagem que leva ao interior da montanha.

Como a maioria dos dragões, Smaug possuía um dorso impenetrável. A parte vulnerável de seu corpo seria o peito, não fosse pelo fato dele ter dormido por muito tempo sobre seu tesouro, o que fez com que as peças ficassem presas ao seu corpo e formassem uma espécie de armadura, tornando-o praticamente invencível.

No entanto, Bilbo Bolseiro descobriu uma falha nesta armadura. Ao contar aos anões o que tinha descoberto, um pássaro ouviu a história, e voou até a caverna para contar a Smaug o que tinha ouvido. No entanto, confundiu Bilbo com Bard, o Arqueiro, um sujeito que possuía uma precisão tremenda com seu arco.

Então, Smaug parte para atacar a cidade de Esgaroth, onde vive Bard. Lá ele é atingido por uma flecha lançada pelo infalível arqueiro, que acertou justamente na pequena falha de sua preciosa armadura. Foi no interior desta caverna que Bilbo Bolseiro encontrou o Um Anel, perdido ali por Smeagol, outrora conhecido como Gollum.

1. Tiamat (Caverna do Dragão)

Um dos mais poderosos personagens da série Caverna do Dragão, Tiamat é um dragão terrível de voz estridente e cinco cabeças. Tiamat é o dragão supremo de Caverna do Dragão, um dos poucos seres capazes de superar os poderes do Vingador.

O dragão é capaz de atacar seus inimigos com qualquer umas de suas cabeças, ou até com todas as cabeças juntas. A boca de cada uma das cabeças é capaz de lançar distintas baforadas terríveis, podendo inclusive lançá-las todas ao mesmo tempo.

Cada cabeça tem uma forma de ataque: a vermelha é a principal e lança labaredas de fogo; a branca lança raios congelantes; a azul lança energia em forma de raios; a verde lança uma nuvem de gás venenoso; e a preta lança ácido.

Tiamat é na verdade um personagem feminino inspirado na deusa de mesmo nome da mitologia babilônica. Ela mora no Cemitério dos Dragões, como guardiã dos ossos dos antigos dragões que ali se dirigiram para morrer, bem como de algumas armas mágicas como as que o Mestre dos Magos deu aos garotos. É no Cemitério dos Dragões que se encontra a fonte de poder destas armas mágicas.

Além de todos os poderes de suas cabeças, de possuir muita força e voar com muita destreza e habilidade, Tiamat ainda é capaz de se teletransportar através da abertura de portais interdimensionais.

Seu poder faz com que seja temida pelo Vingador, o grande vilão da série. Ao longo dos episódios, o Vingador tenta dominar plenamente o Reino e derrotar Tiamat. Para isso, precisa se apossar das Armas do Poder dos garotos para ampliar seus poderes.

Nas poucas vezes em que conseguiu capturar as armas, o Vingador as segurava em uma mão, enquanto canalizava sua magia com a outra. Tiamat apresenta especial vulnerabilidade quando é atingida por essas rajadas concentradas de magia unificadas ao poder do Vingador. Além disso, é vulnerável à uma erva chamado Veneno de Dragão.

12 Respostas

  1. Uma vez assisti a um filme muito interessante que falava sobre a lenda do dragão.
    Eu indico para quem tiver o interesse de assistir.
    O nome do filme é A Maldição do Anel.

  2. Domingos Pereira

    Prezado Giordano Cimadon

    Parabenizo o seu trabalho em colocar a disposição da humanidade precioso ensinamento através do seu SITE.
    Por favor, fale do Lumisial Pistis Sophia.
    Aceita colaboração de material para vincular no seu SITE.
    Peço que envie a resposta para o meu email.

  3. Olá Domingos,
    Obrigado pela sua mensagem :)
    Sim, aceitamos colaboração, mas seguimos uma espécie de “linha editorial”, para garantir o cumprimento dos objetivos do site.
    A Equipe que cuida destes assuntos entrará em contato por e-mail.
    Abraços!

  4. Olá Nousvate,
    Obrigado pela colaboração!
    O filme que você indicou narra resumidamente a Saga do Anel dos Nibelungos, excelente por sinal, especialmente na obra composta por Richard Wagner.
    Abraços!

  5. Marcio

    Texto ótimo, instrutivo e sem preder o foco a que se propõem! muito bom mesmo!

  6. O Junior

    Acredito que poderiam ter colocado o Dragão branco de olhos azuis e o dragão vermelho do Master of dragons :P

  7. Claudio rocha

    Faltou um dragão muito especial para mim,tiamate o dragão magico,do desenho he-man,achei a historia dele muito enteressante

  8. Claudio rocha

    Vixi,errei o nome do dragão…kkk,mi perdoe ai,porfavor,e granamir,o dragão magico,mi amarei na historia dele e no jeito dele no desenho,deveriam ter aproveitado ele mais no desenho he-man.valeu.

  9. Anaquim

    Legal, estava procurando pela visão do dragão, como é chamado na china, essa capacidade espiritual de ver com os olhos fechados. Tem alguma informacao meu caro de como controlar isso?

Deixe um Comentário